segunda-feira 17 de junho de 2024
Foto: Divulgação
Home / NOTÍCIAS / Papa é acusado de fazer comentários homofóbicos em reunião a portas fechadas
terça-feira 28 de maio de 2024 às 07:59h

Papa é acusado de fazer comentários homofóbicos em reunião a portas fechadas

NOTÍCIAS


O Papa Francisco teria dito aos bispos italianos para não permitir que homens gays treinassem para o sacerdócio.

Foi o que disseram dois jornais italianos alegando que o pontífice, de 87 anos, fez comentários homofóbicos em uma reunião a portas fechadas na semana passada.

Citando fontes de dentro da reunião, os jornais Corriere della Sera e La Repubblica informaram nesta segunda-feira (27) que o papa fez os comentários enquanto se reunia com bispos italianos, em 20 de maio.

Os artigos alegaram que o papa usou a palavra “frociaggine” – algo que, em uma tradução livre, equivale à expressão “viadagem” em português. Trata-se de um termo pejorativo para descrever a comunidade LGBTQIA+.

As falas vêm após propostas de bispos italianos para alterar as diretrizes sobre os candidatos aos seminários.

O Vaticano decidiu em 2005 que a igreja não pode permitir a ordenação de homens que são ativamente gays ou têm tendências homossexuais “profundas”. Em 2016, Francisco manteve a decisão.

Dois anos depois, ele disse aos bispos italianos para não aceitarem candidatos gays para o sacerdócio.

Durante seu pontificado, o papa procurou oferecer uma abordagem mais acolhedora aos católicos LGBTQIA+, dizendo “quem sou eu para julgar?” quando perguntado sobre padres gays, e também ofereceu a possibilidade de que os sacerdotes pudessem oferecer bênçãos informais para casais do mesmo sexo.

O jornal Corriere della Sera afirmou que o papa argentino, que fala italiano como segunda língua, pode não ter tido conhecimento de quão ofensiva era sua linguagem, acrescentando que o comentário foi recebido com choque e risadas pelos bispos.

Uma fonte próxima ao papa disse ao canal CNN, que também poderia ser entendido como há um “clima gay” nos seminários.

Não há transcrição oficial dos comentários uma vez que a reunião foi a portas fechadas.

Veja também

Soldados russos continuam matando ao voltar da Ucrânia

Muitos militares que retornam do front apresentam sinais de estresse pós-traumático. Problema pode impactar sociedade …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!