sábado 25 de maio de 2024
Foto: Reprodução/Twitter
Home / DESTAQUE / Maia pede estudo sobre constitucionalidade do decreto de porte de armas
quarta-feira 8 de maio de 2019 às 16:01h

Maia pede estudo sobre constitucionalidade do decreto de porte de armas

DESTAQUE, POLÍTICA


O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), solicitou à consultoria legislativa da Casa um estudo sobre a constitucionalidade do decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro que amplia consideravelmente o porte de armas .

“O mais importante para a Câmara é primeiro avaliar os limites do decreto e a sua constitucionalidade, para que um decreto não avance nas prerrogativas que são do Poder Legislativo”, declarou o parlamentar ao Valor Econômico.

“Sendo constitucional, já é uma coisa que nos tranquiliza, e depois vamos discutir o mérito para ver se tem temas demais ou não”, acrescentou.

O decreto flexibiliza o porte de armas para um conjunto de 20 profissões, como políticos eleitos, servidores públicos que trabalham na área de segurança pública, advogados em atuação pública, caminhoneiros, oficiais de Justiça, profissionais de imprensa que atuam em coberturas policiais, agentes de trânsito, entre outras categorias.

Também foram incluídos os moradores de propriedades rurais e os proprietários e dirigentes de clubes de tiro.

Veja também

Quem será o nome forte da oposição em 2026? A corrida eleitoral já começou

No universo olímpico, uma maratona tem 42 quilômetros e é vencida pelos campeões em pouco …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!
Pular para a barra de ferramentas