quinta-feira 18 de julho de 2024
Foto: SDE
Home / DESTAQUE / Companhia investirá R$ 5,3 bilhões em nova refinaria na Bahia gerando muitos empregos
sexta-feira 28 de abril de 2023 às 10:13h

Companhia investirá R$ 5,3 bilhões em nova refinaria na Bahia gerando muitos empregos

DESTAQUE, NEGÓCIOS, NOTÍCIAS


A refinaria planeja promover a geração mais 4 mil empregos durante as obras e na fase de operação

A Noxis Energy prevê investir R$ 5,3 bilhões para implantar uma refinaria no município baiano de Ilhéus, que será destinada à produção de gás liquefeito de petróleo (GLP), gasolina A (refinaria), diesel automotivo e marítimo e óleo combustível marítimo (bunker). O anúncio foi realizado durante assinatura de protocolo de intenções com o Governo da Bahia, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), na quinta-feira (27). O empreendimento deve iniciar as obras em 2024 e prevê a geração de 3,5 mil empregos durante o período de construção da refinaria e mais 600 empregos diretos e indiretos na fase de operação. A refinaria terá capacidade de produção de mais de 5 milhões de toneladas de combustíveis por ano.

“É com muita satisfação que anunciamos que a Bahia vai ganhar mais uma refinaria. Atualmente contamos com duas em operação, a Acelen, empresa que administra a Refinaria Mataripe, e a Dax Oill Refino, localizada em Camaçari. As refinarias são estruturadas para processar o petróleo e obter uma grande variedade de derivados, além de possuir uma enorme relevância para a movimentação da economia do país”, destaca o secretário de Desenvolvimento Econômico, Angelo Almeida.

A Noxis Energy é uma empresa brasileira sediada no Rio de Janeiro, fundada em 2018 e trabalha principalmente no refino de petróleo ao longo da costa brasileira. De acordo com o diretor Executivo, Márcio Dutra, a chegada da refinaria no estado promoverá mais emprego e renda para os baianos, além de ajudar o Brasil a ter a independência energética.

Produção

A refinaria produzirá Bunker e Diesel Maritimo, combustíveis adequado para navios, gasolina para veículos automotoras e óleo diesel para os setores rodoviário e ferroviário, direcionado ao transporte de cargas e passageiros (ciclo Diesel).

Já o gás liquefeito de petróleo (GLP) será produzido para utilização como combustível em aparelhos de aquecimento e equipamentos de cozinha.

Atração de investimentos

De janeiro a abril deste ano, o Governo do Estado, por meio da SDE, já assinou outros 34 protocolos de intenções, somando um montante de R$ 6,2 bilhões e a previsão de criação de 2,5 mil empregos. O interior do estado será responsável por receber 62% (21) dos empreendimentos, acumulando um total de R$ 5,9 bilhões em investimentos e mais de 1,5 mil empregos.

Veja também

Justiça absolve Sérgio Cabral em ação sobre à saúde pública

A 9ª Vara de Fazenda Pública do Rio de Janeiro absolveu numa ação de improbidade …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!