segunda-feira 18 de outubro de 2021
Prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho (PT) / Foto: PMLF
Home / JUSTIÇA / MP-BA pede urgência em inquérito sobre o tablets comprados pela Prefeitura de Lauro de Freitas
quinta-feira 2 de setembro de 2021 às 13:04h

MP-BA pede urgência em inquérito sobre o tablets comprados pela Prefeitura de Lauro de Freitas

JUSTIÇA, NOTÍCIAS


O Ministério Público da Bahia (MP-BA) recebeu nesta semana documentação complementar que havia solicitado à gestão da prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho (PT), no âmbito do inquérito civil que apura suspeitas de fraude em licitação aberta para a compra de 21,3 mil tablets para estudantes da rede municipal. O material foi adquirido conforme o site Bahia Econômica, a um custo de R$ 15,2 milhões, por meio de pregão eletrônico.

Segundo o MP-BA, os documentos encaminhados pela prefeitura estão sendo analisados pela Central de Apoio Técnico do MP (Ceat), cuja coordenação determinou “prioridade de urgência” em razão do extenso volume do material. Só após a avaliação da papelada, a promotora de Justiça Ivana Moreira determinará os próximos passos da apuração.

Veja também

‘Serão tomadas todas as providências’, diz Aras sobre relatório da CPI da Covid

O procurador-geral da República, Augusto Aras, afirmou neste último domingo (17), em entrevista ao Canal …

um comentário

  1. Moema Gramacho de novo fazendo sapequices, não deve dá em nada como sempre.
    O povinho que não sabe votar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!