terça-feira 19 de outubro de 2021
Damares diz ser obrigada por lei a destinar emendas para ações propostas pela esquerda, sob risco de responder por crime de responsabilidade// Willian Meira/MMFDH/.
Home / NOTÍCIAS / Ministra Damares avisa a Bolsonaro que não irá disputar eleição em 2022
sábado 18 de setembro de 2021 às 13:02h

Ministra Damares avisa a Bolsonaro que não irá disputar eleição em 2022

NOTÍCIAS, POLÍTICA


Lançada candidata ao Congresso Nacional diversas vezes pelo presidente Jair Bolsonaro, a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, avisou ao chefe conforme a coluna de Igor Gadelha, que não pretende disputar as eleições de 2022.

A interlocutores, Damares alega não ter “vocação para o parlamento”, embora tenha trabalhado no Senado por muitos anos, antes de virar ministra do governo Bolsonaro.

Ela também argumenta questão financeira. Se for disputar o pleito em outubro de 2022, teria que deixar o ministério no início de abril. Damares alega que não teria como se sustentar até assumir o futuro mandato.

Nos bastidores, a ministra tem dito que será apenas “cabo eleitoral” de Bolsonaro e de outros bolsonaristas. O presidente, porém, pretende insistir para que Damares saia candidata a deputada federal ou a senadora.

Veja também

Aleluia sobre Governo da Bahia: “Se o ministro João Roma não quiser, eu topo”

O vereador de Salvador Alexandre Aleluia (DEM) disse, em entrevista ao programa PNotícias, da rádio …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!