quarta-feira 19 de junho de 2024
Tóquio — Foto: Jezael Melgoza/Unsplash
Home / Mundo / MUNDO / Japão perde posto de terceira maior economia do mundo
terça-feira 13 de fevereiro de 2024 às 20:16h

Japão perde posto de terceira maior economia do mundo

MUNDO, NOTÍCIAS


O PIB do Japão, que será divulgado na manhã de quinta-feira (15), deve confirmar que em 2023 o país perdeu o posto de terceira maior economia do mundo para a Alemanha. O Japão, que na década de 1990 chegou a superar brevemente os Estados Unidos como maior PIB global, foi superado pela China no segundo lugar a partir de 2010.

Em outubro, quando divulgou suas projeções globais, o Fundo Monetário Internacional (FMI) já tinha indicado que o Japão seria superado pela Alemanha, considerando o PIB nominal. A economia japonesa deve ficar em US$ 4,231 trilhões este ano, enquanto a alemã deve crescer para US$ 4,429 trilhões.

Ainda de acordo com as projeções do FMI, o Japão deve perder o quarto lugar entre as maiores economias do mundo para a Índia em 2026. Em 2027, os indianos devem ultrapassar também os alemães, tornando-se a terceira maior economia do mundo.

O iene, a moeda japonesa, tem se enfraquecido nos últimos meses, com o Japão ainda mantendo juros negativos para estimular a economia, enquanto EUA e Europa elevaram suas taxas, fortalecendo suas divisas. Estruturalmente, o pais sofre há décadas com uma queda da população em idade economicamente ativa.

Se no PIB nominal a Alemanha deve ultrapassar o Japão em 2023, em paridade do poder de compra (PPP, na sigla em inglês) isso não deve ocorrer tão cedo. Em 2028, que é até quando vão as projeções do FMI, o PIB japonês deve estar em US$ 7,382 trilhões por esse critério, enquanto o alemão deve chegar a US$ 6,547 trilhões.

Já em PIB per capita, a Alemanha (população de 83,2 milhões) superou o Japão (população de 124,6 milhões) desde 2012. O indicador alemão deve ficar em US$ 52,823 mil em 2023, contra US$ 33,949 mil do japonês.

Veja também

Ministério dos Transportes revitaliza mais de 130 quilômetros de rodovia federal na Bahia

O Ministério dos Transportes, por meio do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), concluiu …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!