quinta-feira 30 de maio de 2024
Foto: Divulgação
Home / DESTAQUE / Gabinete de guerra de Israel decide atacar duramente o Irã
segunda-feira 15 de abril de 2024 às 14:53h

Gabinete de guerra de Israel decide atacar duramente o Irã

DESTAQUE, MUNDO, NOTÍCIAS


O Gabinete de Guerra de Israel tomou a decisão de contra-atacar “clara e vigorosamente” o Irã pelo seu ataque com mísseis e drones na noite de sábado (13).

O objetivo é enviar uma mensagem de que Israel “não permitirá que um ataque dessa magnitude contra ele passe sem uma reação”, diz o relatório publicado pelo jornal Time of Israel.

Os israelenses querem deixar claro que não permitirão que os iranianos “estabeleçam os parâmetros da guerra”, o que procuraram afirmar nos últimos dias.

Isto parece ser uma referência ao aviso do Irã de que futuros ataques israelenses em território iraniano, incluindo as suas instalações diplomáticas internacionais, serão novamente enfrentados por ataques contra Israel.

O relatório diz que o ministro da Defesa, Yoav Gallant, e o chefe do Estado-Maior das FDI, Herzi Halevi, acreditam que é necessário que Israel responda, mas sem prejudicar a coligação liderada pelos EUA que ajudou Israel a defender-se contra o ataque iraniano.

O relatório, no entanto, diz que Israel não quer que a sua resposta desencadeie uma guerra regional. Afirma ainda que Israel pretende coordenar a sua ação em conjunto os EUA.

O Gabinete de Guerra está programado para se reunir novamente nesta terça-feira (16) e os regulamentos do comando da Frente Interna não foram alterados, indicando que é improvável que um ataque israelense ocorra hoje.

Veja também

Novas derrotas no Congresso elevam pressão no governo por mudanças na articulação política

A nova leva de derrotas do governo no Congresso expôs mais uma vez os problemas …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!
Pular para a barra de ferramentas