segunda-feira 18 de outubro de 2021
Foto: Michel Jesus/Câmara dos Deputados
Home / NOTÍCIAS / “CPI sofre de desonestidade intelectual”, diz Ricardo Barros
domingo 29 de agosto de 2021 às 09:06h

“CPI sofre de desonestidade intelectual”, diz Ricardo Barros

NOTÍCIAS, POLÍTICA


O deputado federal Ricardo Barros rebateu as respostas enviadas pela CPI da Covid ao Supremo Tribunal Federal (STF). O parlamentar publicou um comunicado, neste último sábado (28), e disse que a “CPI sofre de desonestidade intelectual”.

– A CPI da Pandemia informou a ministra do Supremo Tribunal Federal (STF), Carmen Lucia, que o próprio deputado Ricardo Barros pode ter sido o responsável pelo vazamento de seus dados sigilosos – destacou.

Mais cedo, em resposta a uma decisão da ministra Cármen Lúcia, a comissão negou o suposto vazamento de dados fiscais do deputado e disse que Barros promove “defesa frenética, desleal e imbuída de má-fé”.

Em nota à imprensa, Barros disse que a CPI usa a imprensa para publicar suas versões mentirosas e sem fundamento.

– A CPI sofre de desonestidade intelectual e usa a imprensa para publicar suas versões mentirosas e sem fundamento. Vazamentos é crime e responsáveis devem ser punidos.

Ainda segundo o texto, a defesa de Ricardo Barros protocolou na manhã deste sábado, no STF, um recurso classificando as justificativas da CPI de “absolutamente desconexas da realidade”.

– A defesa reforçou o pedido à ministra para que suspenda as quebras de sigilos afim de evitar novos vazamentos – apontou.

Veja também

‘Serão tomadas todas as providências’, diz Aras sobre relatório da CPI da Covid

O procurador-geral da República, Augusto Aras, afirmou neste último domingo (17), em entrevista ao Canal …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!