terça-feira 23 de julho de 2024
Imagem: Divulgação
Home / CONCURSOS / Concurso público: veja todas as vagas e cargos disponíveis na prova nacional unificada
terça-feira 3 de outubro de 2023 às 16:02h

Concurso público: veja todas as vagas e cargos disponíveis na prova nacional unificada

CONCURSOS, NOTÍCIAS


O Concurso Nacional Unificado autorizado pelo governo federal na última sexta-feira, apelidado de “Enem dos concursos”, terá vagas de analista, técnico administrativo, engenheiro, economista, médico, arquitetos, entre outros (veja a lista completa abaixo).

Ao todo, serão ofertadas 6.590 vagas no serviço público federal. O decreto que regulamenta a nova prova unificada já foi assinado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

A nova prova unificada será usada para preencher vagas da administração pública federal direta, de autarquias e fundações. A seleção será feita de forma simultânea em todos os estados do país e no Distrito Federal.

O objetivo, segundo o ministério, é promover igualdade de oportunidades de acesso aos cargos públicos. O edital do Concurso Nacional Unificado será publicado até o dia 20 de dezembro.

O maior número de vagas oferecidas é para auditor fiscal do trabalho, que terá 900 cargos disponíveis.

Lista completa de vagas

Cargos e vagas do Enem dos Concursos

Órgão Carreira Vagas Autorizadas
Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos – MGI “Especialistas em Políticas Públicas e
Gestão Governamental (EPPGG)” 150
Analista de Infraestrutura (AIE) 300
“Analista Técnico de Políticas Sociais –
ATPS” 360
“Analista em Tecnologia da Informação
(ATI)” 300
Analista Técnico-Administrativo 190
Economista 27
Psicólogo 2
Estatístico 12
Técnico em Comunicação Social 10
Técnico em Assuntos Educacionais 2
Arquivista 16
Arquiteto 14
Engenheiro 68
Bibliotecário 4
Contador 5
Médico 20
Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços – MDIC Analista de Comércio Exterior (ACE) 50
Analista Técnico-Administrativo 50
Economista 10
“Agência Nacional de Transportes Aquaviários –
ANTAQ” Especialista em Regulação de Serviços de Transportes Aquaviários 30
“Agência Nacional de Energia
Elétrica – ANEEL” “Especialista em Regulação de Serviços
Públicos de Energia” 40
Ministério da Agricultura e Pecuária – MAPA e (Instituto Nacional de Meteorologia – INMET) Auditor-fiscal federal agropecuário 200
Analista em Ciência e Tecnologia 40
Tecnologista 40
Agente de atividades agropecuárias 100
“Agente de inspeção sanitária e industrial
de produtos de origem animal” 100
Técnico de laboratório 40
Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária – INCRA Analista Administrativo 137
“Analista em Reforma e Desenvolvimento
Agrário” 446
Engenheiro Agrônomo 159
“Ministério da Ciência,
Tecnologia e Inovação -“ Analista em Ciência e Tecnologia 296
“Ministério dos Direitos
Humanos” “Analista Técnico de Políticas Sociais –
ATPS” 40
Ministério da Educação “Analista Técnico de Políticas Sociais –
ATPS” 70
Fundação Nacional dos Povos Indígenas – FUNAI Indigenista Especializado 152
Administrador 26
Antropólogo 19
Arquiteto 1
Arquivista 1
Assistente Social 21
Bibliotecário 6
Contador 12
Economista 24
Engenheiro 20
Engenheiro Agrônomo 31
Engenheiro Florestal 2
Estatístico 1
Geógrafo 4
Psicólogo 6
Sociólogo 12
Técnico em Assuntos Educacionais 2
Agente em Indigenismo 152
Técnico em Comunicação Social 10
Ministério da Saúde – MS Tecnologista 220
Ministério da Justiça e Segurança Pública – MJSP Analista Técnico Administrativo 100
“Analista Técnico de Políticas Sociais –
ATPS” 30
“Ministério do Trabalho e
Emprego – MTE” Auditor-Fiscal do Trabalho (AFT) 900
“Superintendência Nacional
de Previdência Complementar – PREVIC” Analista Administrativo 15
“Especialista em Previdência
Complementar” 25
“Agência Nacional de Saúde
Suplementar” “Especialista em Regulação de Saúde
Suplementar” 35
“Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Informações
Geográficas e Estatísticas” 275
Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE “Tecnologista em Informações
Geográficas e Estatísticas” 312
“Pesquisador em Informações Geográficas
e Estatísticas” 8
“Técnico em Informações Geográficas e
Estatísticas” 300
Advocacia-Geral da União (AGU) Administrador 154
Arquiteto 5
Arquivista 2
Analista Técnico-Administrativo 90
Contador 47
Economista 35
Engenheiro 18
Estatístico 7
Médico 3
Psicólogo 10
Técnico em Assuntos Educacionais 20
Técnico em Comunicação Social 9
Ministério dos Povos Indígenas – MPI Analista Técnico-Administrativo 30
Ministério do Planejamento e Orçamento – MPO Analista Técnico-Administrativo 45
Economista 15
Ministério da Cultura – MinC Analista Técnico-Administrativo 50
Total 6590

Quais serão as datas do concurso?

  • Publicação do edital: até 20 de dezembro deste ano.
  • Prova: data estimada de 25 de fevereiro do próximo ano. A prova será dividida em dois momentos, no mesmo dia, uma parte objetiva, com uma estrutura comum a todos os candidatos; e outras específicas e dissertativas, com base em blocos temáticos.
  • Resultados: Serão divulgados até o fim de abril de 2024.
  • Cursos de formação: deverão ter início entre junho e julho.
  • Início: o Ministério da Gestão estima que até, agosto próximo ano, os servidores já sejam alocados em suas áreas e funções.

Onde será realizada a prova?

O governo estima realizar o concurso em cerca de 180 municípios, em todos os estados do país.

Qual será o valor da taxa de inscrição?

Ainda não foi informado. Com a liberação do edital, será detalhado o procedimento de isenção. Já foi informado que os beneficiários do Cadastro Único receberão isenção.

Terá cotas?

A Lei de Cotas será cumprida no concurso. Para pessoas negras, será reservado o correspondente a 20% das vagas. Para pessoas com deficiência, o percentual reservado deverá ser de 5% dos postos, estima o governo.

Qual será o prazo de validade do concurso?

A validade do concurso será de dois anos, prorrogáveis por mais dois.

Posso me candidatar a mais de uma vaga?

Só será permitida uma inscrição por CPF. No momento do cadastro, os candidatos optem por um dos blocos das áreas de atuação disponíveis na seleção.

Depois da opção, os concorrentes deverão indicar o cargo desejado e a carreira por ordem de preferência entre as vagas disponíveis no bloco de sua escolha. O modelo se espelha na inscrição do Enem.

Veja também

A estratégia do ministro José Múcio para acelerar a PEC dos militares

O ministro da Defesa, José Múcio Monteiro, passou a defender de acordo com Bela, Megale, …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!