terça-feira 16 de agosto de 2022
Foto: Foto: Valdemiro Lopes / CMS
Home / NOTÍCIAS / Câmara de Salvador concederá Título de Cidadão a presidente da Cufa
terça-feira 24 de agosto de 2021 às 08:01h

Câmara de Salvador concederá Título de Cidadão a presidente da Cufa

NOTÍCIAS


O presidente da Central Única das Favelas (Cufa) Global, Francisco José Pereira de Lima, popularmente conhecido como Preto Zezé, vai receber o Título de Cidadão da Cidade do Salvador. O Projeto de Resolução nº 77/2021 é de autoria do vereador Emerson Penalva (Podemos), que destaca a homenagem a Preto, com trajetória pautada no ativismo social e conhecido pelo desenvolvimento de projetos que visam o fortalecimento das produções nas comunidades. A data da homenagem ainda será marcada.

“É de suma importância reconhecer o trabalho feito por Preto Zezé à frente da Cufa, uma organização que fortalece as favelas brasileiras e a população que vive nela, de forma a fomentar o desenvolvimento dos moradores, principalmente nos âmbitos social, esportivo, cultural e político”, ressalta Penalva.

Natural de Fortaleza (CE), Preto Zezé é um empreendedor, produtor artístico e musical, escritor e ativista brasileiro. Atualmente, é o presidente global da Central Única das Favelas. Filho de um casal de retirantes, mãe doméstica e pai pintor da construção civil, foi criado na favela das Quadras, em Fortaleza. Figura de destaque no debate sobre o racismo no Brasil e a sua relação com a desigualdade social, Francisco é uma das maiores lideranças das favelas brasileiras.

Cultura de Rua

Preto Zezé criou o Movimento Cultura de Rua, como uma rede de jovens das favelas que atuavam pelos direitos civis nas comunidades onde moravam, através de ações socioculturais.

“Acredito que a cidade de Salvador, bem como outros municípios brasileiros deve abraçar essa causa que ajuda tanto as populações periféricas e auxilia no desenvolvimento dos moradores das comunidades, sendo, muitas vezes, uma válvula de escape, para milhares de jovens que têm que conviver com as mazelas sociais. Inclusive, na pandemia, a organização presidida por Zezé realizou diversas ações junto às populações em vulnerabilidade que sofreram muito com o isolamento social”, afirma Penalva.

“Por isso, levamos aos pares o referido projeto de resolução para aprovação desta Casa Legislativa, prestando dessa forma uma justa e merecida homenagem ao presidente da Cufa Global, senhor Francisco José Pereira de Lima com a concessão dessa honraria, o Título de Cidadão da Cidade do Salvador”, acrescentou.

Penalva ressalta que a Cufa é uma organização reconhecida nacional e internacionalmente e desconstrói a maneira marginalizada como a favela é retratada e como distancia a possibilidade de promover ações e experiências positivas para os moradores de comunidades.

Veja também

Eleições 2022: por que quem ganha em Minas Gerais ganha no Brasil?

No mundo da política brasileira há uma premissa que é repetida por cientistas políticos e …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Content is protected !!