domingo 26 de maio de 2024
PARA BAIXO - Investidor acompanha o mercado financeiro na Ásia: a expansão do PIB mais fraca em cinco décadas - Foto: Jie Zhao/Corbis/Getty Images
Home / Mundo / MUNDO / Bolsas da Ásia se recuperam parcialmente, com alívio de tensões no Oriente Médio
segunda-feira 22 de abril de 2024 às 06:51h

Bolsas da Ásia se recuperam parcialmente, com alívio de tensões no Oriente Médio

MUNDO, NOTÍCIAS


As bolsas asiáticas fecharam sem direção única nesta segunda-feira (22), com parte delas se recuperando em meio a um alívio das tensões no Oriente Médio. As chinesas, porém, caíram após o banco central local mais uma vez deixar suas principais taxas de juros inalteradas.

O índice japonês Nikkei subiu 1% em Tóquio hoje, a 37.438,61 pontos, revertendo parte do tombo de mais de 2,5% de sexta-feira (19), quando surgiram notícias de que Israel havia lançado um pequeno ataque retaliatório a uma base aérea no Irã, sem causar danos significativos. A avaliação, no entanto, é a de que israelenses e iranianos não querem se envolver em um conflito de grande escala.

Em outras partes da Ásia, o dia também foi de recuperação, com alta de 1,77% do Hang Seng em Hong Kong, a 16.511,69 pontos, e ganho de 1,45% do sul-coreano Kospi em Seul, a 2.629,44 pontos.

Na China continental, por outro lado, os mercados ficaram no vermelho após o BC do país, o PBoC, deixar seus juros principais intocados pelo segundo mês seguido, embora o Produto Interno Bruto (PIB) chinês tenha crescido bem mais do que o esperado no primeiro trimestre. O Xangai Composto recuou 0,67%, a 3.044,60 pontos, e o menos abrangente Shenzhen Composto caiu 0,49%, a 1.678,26 pontos. Ações de petróleo e carvão lideraram as perdas nos negócios chineses.

Já em Taiwan, o Taiex cedeu 0,59%, a 19.411,22 pontos.

Na Oceania, a bolsa australiana voltou ao azul, após também ser pressionada pelas incertezas no Oriente Médio na sessão anterior. O S&P/ASX 200 avançou 1,08% em Sydney, a 7.649,20 pontos.

Veja também

A hipótese de que a humanidade é uma ‘Inteligência Artificial’ antiga

De narrativas religiosas a teorias científicas, os seres humanos têm procurado entender de onde viemos …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!
Pular para a barra de ferramentas