quinta-feira 13 de junho de 2024
Home / POLÍTICA / Apoio do PSL a Maia é visto como sinal para aprovação de Reforma da Previdência
quinta-feira 3 de janeiro de 2019 às 07:13h

Apoio do PSL a Maia é visto como sinal para aprovação de Reforma da Previdência

POLÍTICA


Anunciado nesta última quarta-feira (2) o apoio do PSL, segunda maior bancada da Câmara dos Deputados, à reeleição de Rodrigo Maia (DEM-RJ) para a presidência da Casa foi elogiada por secretários e representantes de entidades. Mansueto de Almeida, secretário do Tesouro, bem como Rogério Marinho, secretário da Previdência, acreditam que o acordo pode ajudar a aprovação da reforma da Previdência, tida como uma das mais urgentes para o novo governo Jair Bolsonaro (PSL).

Mansueto, que foi escolhido para o cargo por Michel Temer e permanecerá no posto com Bolsonaro, o apoio do PSL a Maia é “algo importante e ajuda para a aprovação da reforma da Previdência”. Segundo Almeida, Maia lutou bastante para aprovação do ajuste no ano passado.

Ao chegar há pouco para a transmissão do cargo do ministro da Economia, Paulo Guedes, Almeida também destacou a unidade dos discursos dos governadores ontem sobre a importância da mudanças nas regras previdenciárias para a sustentabilidade das contas públicas. Mansueto também lembrou que o presidente Bolsonaro também citou a importância de aprovar as reformas estruturais para colocar a economia nos trilhos. “São muitos sinais bons neste início de governo”, disse Almeida.

De acordo com ele, a política do novo governo será de continuidade do ajuste fiscal com “coisas mais ousadas”. Estão entre os pontos mais ousados uma nova política de redução das renúncias e subsídios e a reavaliação da eficácia dos programas do governo federal.

Em entrevista coletiva com jornalistas, o secretário da Previdência, Rogério Marinho, disse que o apoio de PSL a Maia é “ótima notícia”. Ele, porém, não descartou outros nomes. “Se Maia ou outro candidato que apoia a reforma da Previdência for eleito, ajuda muito.”

CNI

Para o presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Robson Braga de Andrade, a continuidade de Rodrigo Maia na presidência da Câmara dos Deputados “facilitaria” a aprovação de reformas no novo governo. “Se ele continuar, será uma boa notícia, porque ele tem sido um bom presidente. Isso com certeza facilita a aprovação das reformas, porque ele já conhece bem o debate”, disse Andrade, ao chegar para a cerimônia de transmissão de cargo para o ministro da Economia, Paulo Guedes, nesta tarde em Brasília.

Andrade preferiu não comentar as propostas que vêm sendo apresentadas pela equipe de Guedes, disse apenas: “Vamos esperar que o ministro assuma de fato”.

O presidente nacional do PSL, o deputado federal eleito Luciano Bivar (PSL-PE), se reuniu ontem (2) com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e fechou o apoio da bancada à reeleição dele para o comando da Casa.

Em troca, Maia se comprometeu a entregar ao PSL o comando de duas comissões importantes, a de Constituição e Justiça (CCJ) e a de Finanças, além da 2ª vice-presidência da Câmara. Segundo Bivar disse ao Estado, Maia também se comprometeu a apoiar as pautas do governo de Jair Bolsonaro.

Veja também

Hidrogênio verde: o que está por trás do interesse do Centrão nesta energia limpa

Em seu discurso de abertura do ano legislativo, no qual distribuiu recados ao governo do …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!