domingo 7 de agosto de 2022
Foto: Reprodução / Blog Torcedor do Vitória GE
Home / ESPORTE / Vereador quer tornar o Vitória patrimônio cultural imaterial de Salvador
quinta-feira 6 de fevereiro de 2020 às 19:44h

Vereador quer tornar o Vitória patrimônio cultural imaterial de Salvador

ESPORTE, POLÍTICA


O Esporte Clube Vitória está perto de ser declarado patrimônio cultural imaterial do município de Salvador. Proposição neste sentido, de autoria do vereador Pedro Godinho (MDB), mostra a importância da agremiação fundada em 13 de maio de 1899 com o nome Club de Cricket Victoria, mudado em 1902 para Sport Club Victoria e, em 1944, para o atual nome.

No Projeto de Lei nº 01/2020, o vereador Pedro Godinho lembra que “o Vitória foi o primeiro clube social nacional a ser fundado por brasileiros e um dos primeiros clubes do Brasil a praticar o futebol, esporte no qual obtém maior destaque”. Os clubes anteriores ao Vitória foram criados por estrangeiros residentes no Brasil.
Ainda na justificativa, o vereador rubro-negro afirma que o Club de Crickt Victoria remete ao Corredor da Vitória, local onde moravam os seus fundadores. Além do Crickt, a agremiação também foi pioneira na Bahia e no Nordeste no voleibol, na natação, no polo aquático, no basquetebol, dentre outros esportes.

História

Conforme Pedro Godinho, a construção do estádio do Barradão, em 1986, foi um divisor de águas na história do clube, tanto para o time como para a torcida. “Desde a inauguração do estádio, o Vitória rapidamente consolidou-se no estado e na Região Nordeste, em especial nas últimas duas décadas, em crescimento e conquistas esportivas”, assegura.

“Neste período, o clube rubro-negro conquistou quatro títulos da Copa do Nordeste, tomando-se o maior vencedor deste torneio. Também conquistou doze títulos nas últimas vinte edições do estadual baiano”, completa o vereador na sua justificativa.

Ainda nas considerações que mostram a importância do projeto de lei, o parlamentar destaca a divisão de base do clube, considerada uma das mais bem-sucedidas do Brasil e do mundo. “Entre 1996 e 2000, no seu auge, pelo menos 21 títulos internacionais foram conquistados. O Vitória também foi campeão da Copa do Brasil de Futebol Sub-20”, reforça.

O projeto do vereador Pedro Godinho é o primeiro desta 4ª Sessão Legislativa da 18ª Legislatura.

Veja também

“É o início de uma nova era para a Bahia”, diz deputada em convenção de ACM Neto

A deputada estadual Kátia Oliveira (União Brasil) disse nesta última sexta-feira (5) que a oficialização …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Content is protected !!