quinta-feira 18 de julho de 2024
Foto: Divulgação
Home / NEGÓCIOS / Veja o ranking das 25 marcas brasileiras mais valiosas
quarta-feira 5 de junho de 2024 às 13:46h

Veja o ranking das 25 marcas brasileiras mais valiosas

NEGÓCIOS, NOTÍCIAS


O Itaú Unibanco permaneceu em 2024 no topo do ranking de marcas mais valiosas do Brasil elaborado pela consultoria Interbrand. O banco ocupa a primeira posição da lista pelo menos desde 2003.

O ranking teve poucas mudanças em relação a última edição, com forte presença de empresas financeiras e uma estreante do setor: a Stone, na 12ª posição. “Mesmo com os resultados financeiros difíceis, a marca seguiu sustentando o crescimento do portfólio de produtos e vínculo com o público”, afirma a Interbrand.

Raia e Arezzo foram as outras estreantes, ocupando respectivamente as posições 18 e 25. Já os maiores crescimentos foram registrados pela Drogasil (+19%), Porto (+14%), PagBank (+13%) e Nubank (+12%). Veja o ranking:

Reprodução/Interbrand

Somado, o valor de todas as marcas chegou a R$ 156 milhões, valor 2% maior do que na edição passada. A 25ª colocada neste ano, a Arezzo vale R$ 623 milhões, aproximadamente 7% mais do que a última colocada do ranking anterior.

A Interbrand destacou porém no estudo que as 5 primeiras colocadas ainda representam 75% do valor da lista. “Essa concentração reflete o longo caminho percorrido por essas empresas, investindo em suas marcas e garantindo sua presença coerente e constante na mente dos consumidores”, afirma.

A metodologia utilizada leva em consideração a capacidade da marca de gerar valor financeiro acima das expectativas de seus investidores, sua influência na decisão dos consumidores e sua performance em diferentes dimesões.

Para ser listada, a marca deve ser brasileira, ter informações financeiras públicas, publicar resultados individuais, gerar lucro econômico e atingir indíce de força de marca maior do que 50.

Veja também

Justiça absolve Sérgio Cabral em ação sobre à saúde pública

A 9ª Vara de Fazenda Pública do Rio de Janeiro absolveu numa ação de improbidade …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!