segunda-feira 18 de outubro de 2021
Home / JUSTIÇA / Procurador do TCU quer afastar presidentes da Caixa e do BB
quarta-feira 8 de setembro de 2021 às 19:02h

Procurador do TCU quer afastar presidentes da Caixa e do BB

JUSTIÇA, NOTÍCIAS


Após a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil ameaçarem deixar a Federação dos Bancos Brasileiros (Febraban), o Tribunal de Contas da União (TCU) decidiu se manifestar. Em um parecer, o procurador do órgão, Lucas Furtado, defendeu o afastamento dos presidentes dos bancos públicos.

A polêmica começou após a Febraban decidir apoiar um manifesto em defesa da democracia. Devido ao teor do texto, a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil ameaçaram deixar a entidade. O ministro da Economia, Paulo Guedes, chegou a dizer que inicialmente o manifesto seria em defesa da democracia, mas a Febraban teria feito sugestões, e o texto passou a ser um “ataque ao governo”.

Ao pedir o afastamento de Pedro Guimarães, presidente da Caixa, e de Fausto de Andrade Ribeiro, presidente do Banco do Brasil, o procurador afirmou que eles teriam cometido abuso de poder.

– É clara afronta aos princípios constitucionais da impessoalidade, da moralidade e afronta à Lei das Estatais – escreveu Lucas Furtado.

Segundo o Pleno News, ele também apontou que “o motor das decisões tomadas na condução das instituições que dirigem possui forte viés político, em afronta ao esperado zelo pelo interesse público e não do governo de plantão”.

O documento foi encaminhado à presidente do TCU, Ana Arraes.

Veja também

‘Serão tomadas todas as providências’, diz Aras sobre relatório da CPI da Covid

O procurador-geral da República, Augusto Aras, afirmou neste último domingo (17), em entrevista ao Canal …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!