terça-feira 28 de setembro de 2021
Home / NOTÍCIAS / PF deflagra a Operação Rosa Branca contra crimes raciais e neonazismo
segunda-feira 2 de agosto de 2021 às 17:34h

PF deflagra a Operação Rosa Branca contra crimes raciais e neonazismo

NOTÍCIAS


A Polícia Federal deflagrou nesta segunda-feira (2) a Operação Rosa Branca, que visa reprimir a prática do crime de discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional, bem como a veiculação de símbolos que utilizem a cruz suástica ou gamada para fins da divulgação do nazismo.

Conforme o Diário do Poder, a investigação teve início após documentos extraídos do banco de dados de uma ONG revelarem que determinado perfil, mantido junto a uma rede social, em diversos momentos, fez comentários de cunho discriminatório contra judeus, católicos, nordestinos, negros e homossexuais.

Além de ofensas e discriminação, o investigado também exibia a cruz suástica e declarava ser nazista, disseminando conteúdos relacionados a ódio contra homossexuais, racismo, antissemitismo, bem como a idolatria ao nazismo e fascismo com a intenção de incitar a violência contra determinados grupos de pessoas.null

Após a realização de diligências pela PF, foi possível identificar o indivíduo responsável pelas postagens e hoje foi dado cumprimento, em sua residência, a mandado de busca e apreensão expedido pela 2ª Vara Federal de São José do Rio Preto (SP).

Durante o cumprimento do mandado, foram apreendidos um computador e um celular, além de desenhos alusivos ao nazismo e à suástica, máscaras tubulares e, ainda, identificados mais dois perfis de rede social, reafirmando a conduta criminosa do investigado. Todo material passará por perícia e análise da Polícia Federal.

O indivíduo responderá pelo crime que está previsto no artigo 20, §§ 1º e 2º, da Lei nº 7.716/1989, cuja pena é de reclusão de 2 a 5 anos e multa.

A Operação foi denominada Rosa Branca em alusão e homenagem ao movimento antinazista que fez história na Alemanha. (Com informações da Comunicação Social PF em São José do Rio Preto)

Veja também

Esqueleto achado na Itália indica uma das torturas mais cruéis da História

Um esqueleto descoberto perto da Catedral de Milão (Itália) é um exemplo raro de um dos …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!