terça-feira 16 de julho de 2024
Guilherme Boulos, Ricardo Nunes e Tabata Amaral, pré-candidatos à prefeitura de São Paulo - Foto: Bruno Spada-Câmara dos Deputados/Rovena Rosa-Agência Brasil e Mario Agra/Câmara dos Deputados/Reprodução
Home / ELEIÇÕES 2024 / Pesquisa: Ricardo Nunes aumenta vantagem sobre Boulos na disputa em SP; confira
quinta-feira 2 de maio de 2024 às 11:36h

Pesquisa: Ricardo Nunes aumenta vantagem sobre Boulos na disputa em SP; confira

ELEIÇÕES 2024, NOTÍCIAS


O instituto Paraná Pesquisas divulgou um levantamento nesta quinta-feira (2) sobre a eleição para a Prefeitura de São Paulo. O prefeito da capital paulista, Ricardo Nunes (MDB), segue numericamente à frente do deputado federal Guilherme Boulos (PSol) tanto no primeiro quanto em um eventual segundo turno.

Na pesquisa estimulada, quando os nomes dos possíveis candidatos são apresentados ao eleitor, Nunes lidera com 35,2% das intenções de voto, enquanto Boulos tem 29,8%. Assim, o atual prefeito deixa o empate técnico registrado na pesquisa feita em março, quando a diferença entre os dois era de apenas 1,9 ponto percentual. A margem de erro da pesquisa é de 2,9 pontos percentuais para mais ou para menos.

A deputada federal Tabata Amaral (PSB) aparece em terceiro lugar, com 10,6%, seguida por Marina Helena (Novo), com 5,7%, e Altino (PSTU), com 1%.

Em um eventual segundo turno entre Nunes e Boulos, o prefeito aparece com 46,8% das intenções de voto, contra 37,6% de Boulos. O atual prefeito também leva vantagem em um cenário contra Tabata, com 49,6%, ante 30,8% da deputada. Tabata também perderia para Boulos em um eventual segundo turno, com o psolista somando 43,6%, contra 33,9% da deputada.

A pesquisa também revela que Boulos é o pré-candidato à Prefeitura da capital com maior índice de rejeição entre os eleitores paulistanos. 36,7% dos entrevistados disseram que não votariam no deputado do PSol de jeito nenhum, contra 30,5% de Tabata e 28,9% de Nunes.

Em relação aos que votariam com certeza, 19,5% escolheram Nunes, 18,1%, Boulos, e 3,9%, Tabata. A deputada do PSB, contudo, é a que tem o maior índice de “poderia votar”, com 59,1%, seguida pelo atual prefeito (49,5%) e pelo psolista (43%).

Em um cenário simulado com José Luiz Datena (PSDB) como candidato, o apresentador aparece em terceiro lugar, com 15,3% das intenções de voto, quase o dobro dos votos angariados por Tabata, que tem 8,2%. Quatro meses após sua filiação ao PSB, Datena se filiou ao PSDB sem deixar claro se será o vice da deputada ou se será o titular na chapa que disputará as eleições deste ano.

Na simulação com o apresentador, a liderança segue com Nunes, que tem 27,3%, seguido por Boulos, com 25,7%. O cenário ainda considera como candidato o deputado federal Kim Kataguiri (União Brasil).

Depois de Nunes, Boulos, Datena e Tabata, Kim aparece em quinto lugar, com 4% das intenções. No entanto, o parlamentar não deve ter aval do partido para disputar a eleição, pois o União Brasil apoia Ricardo Nunes na capital. Marina Helena está em sexto, com 3,6%. O influenciador Pablo Marçal (PRTB) surge em seguida, com 2,3%, e Altino aparece com 0,3%.

A pesquisa foi feita entre os dias 26 de abril e 1° de maio com 1.200 pessoas. A margem de erro é de 2,9 pontos percentuais para mais ou para menos, com índice de confiança de 95% — a cada cem pesquisas feitas da mesma forma, espera-se que 95 tragam os mesmos resultados, dentro da margem de erro. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o nº SP-05177/2024.

Veja também

PL Salvador inicia encontros com pré-candidatas a vereadoras

Em meio à queda no número de pré-candidatos à prefeitura, o PL Salvador decidiu investir …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!