domingo 19 de setembro de 2021
Foto: TSE
Home / NOTÍCIAS / Partidos de 3ª via estudam propor novo modelo de votação contra polarização
sexta-feira 2 de julho de 2021 às 18:32h

Partidos de 3ª via estudam propor novo modelo de votação contra polarização

NOTÍCIAS


A presidente do Podemos, Renata Abreu, lançou conforme a revista Veja, uma ideia audaciosa no grupo de partidos que tenta viabilizar um nome para encarnar a terceira via nas eleições do ano que vem. Relatora do projeto de reforma eleitoral na Câmara, a deputada quer angariar apoio para emplacar a proposta de “voto preferencial” já em 2022, que poderia evitar um segundo turno entre Lula e Bolsonaro.

Já utilizado em outros países, o sistema faria com que os eleitores elencassem os seus candidatos favoritos, do melhor para o pior. Se um deles aparecer em 1º lugar no ranking em mais de 50% dos votos, estará eleito, como já ocorre hoje. Caso isso não aconteça, as segundas escolhas de quem optou pelo menos votado seriam consideradas, e assim por diante.

A ideia é eliminar a ideia do “voto útil”, que favorece a polarização. Batizado em inglês de “ranked-choice voting” (votação por escolha ranqueada), o sistema foi utilizado pela primeira vez na cidade de Nova York nas eleições municipais realizadas no mês passado.

Com representantes de sete partidos, o grupo se reuniu pela primeira vez no último dia 16 de junho. A próxima reunião deve ocorrer na quarta-feira que vem.

Em tempo: um dos integrantes do grupo, batizado no WhatsApp de Centro Equilíbrio, o pré-candidato ao Planalto pelo DEM, Mandetta esteve em Brasília na quarta-feira para bater um papo com o senador Alessandro Vieira, um dos destaques da CPI da Pandemia. O assunto da conversa foi a tentativa de terceira via.

Vieira, por sinal, se encontrou na semana anterior com outro presidenciável, o governador gaúcho Eduardo Leite — e com o apresentador Luciano Huck, que já desistiu do páreo.

Veja também

Mortes por Covid nos EUA são de pessoas não vacinadas, diz Biden

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, afirmou neste último sábado (19) que as mortes recentes …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!