terça-feira 28 de junho de 2022
Foto: DW
Home / Mundo / MUNDO / OTAN alerta que guerra na Ucrânia pode durar anos
sexta-feira 29 de abril de 2022 às 07:12h

OTAN alerta que guerra na Ucrânia pode durar anos

MUNDO, NOTÍCIAS


Secretário-geral afirma que aliança militar ocidental está pronta para apoiar a Ucrânia por anos na guerra contra a Rússia e que ajudará Kiev a modernizar seus equipamentos militares.A Otan está pronta para apoiar a Ucrânia durante anos na guerra contra a Rússia, inclusive ajudando Kiev a substituir antigas armas da era soviética por modernos equipamentos militares ocidentais, afirmou o secretário-geral da aliança militar, Jens Stoltenberg, nesta quinta-feira (28).

Ele deu a declaração após o Kremlin afirmar que o fornecimento de armas ocidentais à Ucrânia, incluindo armamentos pesados, representa uma ameaça à segurança do continente europeu e “provoca instabilidade”.

“Precisamos estar preparados para o longo prazo”, afirmou Stoltenberg numa cúpula para jovens em Bruxelas. “Existe a possibilidade de que esta guerra se arraste e dure meses e anos.”

O chefe da Otan disse que o Ocidente continuará pressionando ao máximo o presidente russo, Vladimir Putin, para encerrar a invasão da Ucrânia, que Moscou chama de “operação militar especial”, por meio de sanções e ajuda econômica e militar a Kiev.

“Os aliados da Otan estão se preparando para dar apoio durante um longo período de tempo e também ajudar a Ucrânia a fazer a transição, passando de antigos equipamentos da era soviética para armas e sistemas mais modernos da Otan que também exigirão mais treinamento”, disse Stoltenberg.

A maioria das armas pesadas que a Otan enviou à Ucrânia até agora são armamentos de construção soviética que ainda constavam nos estoques dos países-membros da aliança na Europa Oriental, mas os EUA e alguns outros aliados começaram a abastecer Kiev com obuseiros ocidentais.

A Alemanha anunciou nesta terça-feira o envio de tanques do modelo “Gepard” equipados com armas antiaéreas para a Ucrânia. Foi a primeira vez que Berlim aprovou o envio de armas pesadas para Kiev.

Os apelos da Ucrânia por armas pesadas se intensificaram desde que Moscou concentrou sua ofensiva em Donbass, região no leste do país com terreno majoritariamente plano e aberto, visto como mais adequado para batalhas de tanques do que as áreas no norte ao redor da capital Kiev, onde grande parte dos combates anteriores ocorreram.

Veja também

R$ 54 bilhões do BNDES e de estatais podem cobrir pacote de benefícios sociais do governo

O governo federal conta conforme o Estadão, com o ingresso de cerca de R$ 54 …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Content is protected !!