sábado 23 de outubro de 2021
Foto: Reprodução/Redes Sociais
Home / JUSTIÇA / MP-BA apura se Fábio Vilas-Boas cometeu crime contra chef de cozinha
quinta-feira 5 de agosto de 2021 às 19:29h

MP-BA apura se Fábio Vilas-Boas cometeu crime contra chef de cozinha

JUSTIÇA, NOTÍCIAS


Ministério Público da Bahia (MP-BA) vai apurar se o ex-secretário da Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, cometeu crime ao ofender a chef de cozinha, Angeluci Figueiredo, proprietária do Restaurante dau Preta, que fica na Ilha dos Frades. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da instituição e foi publicado pelo site BNews.

O caso foi remetido para a Central de Inquéritos do MP-BA. A notícia de fato foi apresentada pelo procurador de Justiça Rômulo Moreira.

“Diante do exposto e, considerada a ausência de atribuição da Procuradora-Geral de Justiça, determino o encaminhamento da notícia de fato à Central de Inquéritos do Ministério Público do Estado da Bahia, para análise e adoção das providências pertinentes”, assinala procuradora-geral de Justiça Adjunta Wanda Valbiraci.

Por meio do aplicativo Whatsapp, o ex-secretário a chamou a chef de “vagabunda”, além de outras ofensas.O fato ocorreu após a empresária comunicar ao gestor que a reserva feita por ele teria que ser cancelada por causa de questões climáticas.

Pode pesar sobre ele a acusação de causar dano emocional a uma mulher, conforme previsto no artigo 147-B, do Código Penal, com pena que pode variar de seis meses a dois anos de reclusão.

Vilas-Boas, que era titular da Secretaria da Saúde do Estado desde 2015, deixou o cargo na última terça-feira (3). A reunião que decidiu o futuro de Vilas-Boas, com governador Rui Costa, o secretário da Casa Civil, Carlos Mello e outros integrante do governo, ocorreu no mesmo dia. A divulgação do vídeo em que Fábio Vilas-Boas é flagrado invadindo o Restaurante Preta, na Ilha dos Frades, foi o estopim para o governo.

Veja também

Macron e Biden avançam na restauração da confiança após crise bilateral

Os presidentes da França, Emmanuel Macron, e dos Estados Unidos, Joe Biden, tiveram uma nova …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!