domingo 21 de julho de 2024
Home / NOTÍCIAS / Médico pediatra nega atendimento a criança e mostra o dedo do meio; assista
quarta-feira 19 de junho de 2024 às 11:13h

Médico pediatra nega atendimento a criança e mostra o dedo do meio; assista

NOTÍCIAS, SAÚDE


Um médico foi filmado exibindo o dedo do meio e proferindo xingamentos contra uma mulher no Pronto-Socorro de Vicente de Carvalho, no Guarujá no estado de São Paulo.

O caso ocorreu depois que o profissional se recusou a atender o afilhado da mulher, uma criança de quatro anos.

Assista:

Segundo a mãe do menino, a confusão teve início após pessoas na fila permitirem que elas passassem na frente para a consulta, o que deixou o médico irritado. “Revolta”, desabafou ela.

A Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP) informou que a criança foi finalmente atendida após a intervenção de uma policial militar presente no local. O caso foi registrado como injúria no 2º Distrito Policial de Guarujá.

A mãe do menino, Tuane Guilherme dos Santos, de 27 anos, concedeu entrevista à TV Tribuna, na qual contou que o filho foi levado ao pronto-socorro pela madrinha e pela mãe dessa mulher devido a vômitos e dores abdominais severas. Na chegada, a criança recebeu uma pulseira verde, indicando que não era um caso emergencial.

Durante a espera, o estado do menino piorou, ficando visivelmente pálido. A madrinha pediu então para passar na frente na fila, o que foi permitido pelos demais pacientes. Este gesto, porém, incomodou profundamente o médico de plantão.

“Ele falou que elas estavam passando na frente de todo mundo e que não tinha a necessidade, pois ele [o menino] estava bem”, relatou Tuane. “Elas falaram que não dava para esperar, e que todo mundo lá fora havia concordado. […] Ele disse que não era certo e se recusou a atender.”

A discussão entre a madrinha e o médico escalou rapidamente, com a mãe também tentando convencer o profissional a prestar o atendimento. “Meu filho já passou [em consulta] com ele e sempre fomos bem atendidos. Não entendi por que ele estava tão revoltado assim”, lamentou Tuane.

Esse comportamento inadmissível levanta questões sobre o treinamento e a conduta profissional em ambientes de emergências médicas, sugerindo a necessidade de revisão das práticas e políticas do pronto-socorro de Vicente de Carvalho para garantir um atendimento mais humanizado e eficiente.

Veja também

Governo Milei expõe grave fraude na Argentina envolvendo pensões durante gestões anteriores; entenda

O recente governo argentino liderado por Javier Milei trouxe à luz uma série de irregularidades e fraude …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!