segunda-feira 23 de maio de 2022
Criança recebe dose da Coronavac ao lado do governador de São Paulo, João Doria (PSDB) - Foto: Divulgação/Governo do Estado de São Paulo
Home / DESTAQUE / João Doria dá inicio a aplicação em crianças de Coronavac contra Covid-19
quinta-feira 20 de janeiro de 2022 às 14:57h

João Doria dá inicio a aplicação em crianças de Coronavac contra Covid-19

DESTAQUE, NOTÍCIAS, SAÚDE


Menos de duas horas após os diretores da Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovarem por unanimidade o uso da Coronavac na imunização contra Covid-19 em crianças e adolescentes de 6 a 17 anos, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), deu início à vacinação desse público, em solenidade oficial na sede do governo estadual, no início da tarde desta quinta-feira (20).

Assim como fez com o início da vacinação no Brasil, um ano atrás, e com o começo a aplicação da vacina da Pfizer em crianças de 5 a 11 anos, semana passada, quando foi pioneiro em ambas, Doria não perdeu a oportunidade de ser o protagonista. Ele fez questão de posar para fotos ao lado de cada criança vacinada nesta quinta-feira. Ele chegou a fazer brincadeiras com meninos e meninas.

O governador havia avisado que daria início à vacinação logo após a Anvisa liberar a Coronavac. “Prepare o braço, molecada! Anvisa autoriza vacinação de crianças e adolescentes de 6 a 17 anos com Coronavac. Iniciaremos imediatamente a vacinação. Esperamos imunizar toda garotada em, no máximo, 3 semanas. Todo mundo virando jacaré”, disse Doria em suas redes sociais.

O Instituto Butantan, órgão do governo do estado de São Paulo que produz o imunizante em parceria com a chinesa Sinovac, havia pedido à Anvisa a autorização para o uso da vacina, na mesma dose e fórmula usada pelos adultos, em crianças a partir de 3 anos. No entanto, a agência aprovou o uso apenas a partir dos 6 anos, em razão de haver dados mais concretos sobre a segurança e eficácia nesta faixa etária, advindos do uso massivo da Coronavac atualmente no Chile.

Recentemente, o Butantan informou ter um estoque de mais de 15 milhões de doses da Coronavac para aplicação imediata.

Queiroga vai esperar publicação no DOU para avaliar Coronavac para crianças
Por outro lado, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, indicou em suas redes sociais que, mais uma vez, não vai acelerar a vacinação das crianças e adolescentes.

Segundo Queiroga, o Ministério da Saúde vai aguardar a publicação da decisão da Anvisa no Diário Oficial da União (DOU) para, então, avaliar se o governo federal vai inserir a Coronavac no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra Covid-19.

Veja também

“Se ACM Neto ganhar no primeiro turno, ele apoia quem para presidente?”

Apoiador do presidente Jair Bolsonaro (PL), o vereador de Salvador e pré-candidato a deputado federal …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Content is protected !!