quarta-feira 19 de janeiro de 2022
Home / POLÍTICA / Heraldo Rocha diz que pré-candidato deveria ser preso por ‘caluniar’ Neto

Heraldo Rocha diz que pré-candidato deveria ser preso por ‘caluniar’ Neto

quarta-feira 6 de junho de 2018 às 11:08h

O presidente municipal do Democratas, Heraldo Rocha, saiu em defesa do prefeito de Salvador ACM Neto após o pré-candidato ao governo baiano Marcos Mendes (Psol) afirmar, segundo publicação no site Bahia.Ba, que o gestor soteropolitano desistiu das eleição de 2018 por “medo de ser preso”.

Em nota enviada à redação nesta quarta-feira (6), o presidente do diretório local afirmou que “se tem alguém que merece ser preso é o psolista Marcos Mendes pelos reincidentes crimes de calúnia, injúria e difamação”.

O democrata questionou a credibilidade do candidato do Psol, afirmando que o político “só aparece em período eleitoral, de quatro em quatro anos, para tentar arranjar uma boquinha na política”.

Mendes afirmou nesta última terça (5) que ACM Neto teve receio de perder “o foro privilegiado” ao renunciar ao cargo de prefeito por ser investigado pelo suposto superfaturamento das obras de requalificação da Barra e pela relação com o ex-ministro Geddel Vieira Lima, alvo da operação Lava Jato, preso no Complexo Penal da Papuda, em Brasília.

Veja também

PT mira comando de Comissão em ano eleitoral

A oposição, em especial o Partido dos Trabalhadores, arma estratégia para ganhar o comando da …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Um dos maiores formadores de líderes empresariais do mundo nasceu no Brasil

error: Content is protected !!