segunda-feira 15 de julho de 2024
Foto: Divulgação
Home / NOTÍCIAS / CEO da Águia Branca fala sobre humanização da liderança nos negócios
sexta-feira 21 de junho de 2024 às 15:24h

CEO da Águia Branca fala sobre humanização da liderança nos negócios

NOTÍCIAS


A superação dos desafios trazidos pela pandemia e uma gestão focada na inovação foram abordadas no evento promovido pelo CIEB

Em 2019, Paula Barcellos Tommazi Corrêa foi escolhida CEO da Viação Águia Branca. Há 22 anos na empresa, ela teve suas habilidades como diretora executiva testadas em 2020. Foi quando o mundo parou e as operações de transporte rodoviário foram reduzidas a zero, nos períodos mais críticos da pandemia, ou a níveis operacionais muito baixos, à medida que as atividades foram sendo retomadas.

Seis anos depois de assumir a diretoria executiva do grupo empresarial, ela esteve em Salvador para participar do Café Empresarial CIEB: Conexões que Geram Resultados, realizado pelo Centro das Indústrias do Estado da Bahia (CIEB), nesta quarta-feira, 19.06. Ela falou para uma plateia de mais de 200 empresários, sobre Liderança Humanizada: A História de Transformação na Viação Águia Branca, em encontro realizado no auditório da Federação das Indústrias do Estado da Bahia (FIEB).

Após uma explanação sobre a empresa e os resultados alcançados graças ao modelo de liderança adotado, ela resumiu: “Não seríamos a Águia Branca de hoje se não houvesse a pandemia”.

Paula Corrêa acredita que o segredo da empresa passa por três pilares: segurança, resultado e liderança presente. Com 90 líderes espalhados pelos oito estados onde o grupo empresarial atua e após sucessivos prejuízos acumulados em 2020 e 2021, por conta da crise sanitária, o movimento de retomada a partir de 2022 exigiu firmeza para fazer com que as operações da Águia Branca aumentassem quase quatro vezes acima da meta traçada para aquele ano.

Para alcançar os resultados e mobilizar os colaboradores, Paula conta que a Viação Águia Branca adota rituais de gestão que envolvem, de um lado, firmeza – exigindo desempenho, experiência, excelência e presença -, e de outro suavidade – colocando afeto, equilíbrio, empatia e humanização -, no dia a dia da empresa. “Se o líder não tocar o coração das pessoas, ele não lidera”, sintetiza.

Empresa de transportes sediada no Espírito Santo e fundada há 78 anos, o grupo Águia Branca está presente no Espírito Santo, Bahia, Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Alagoas, Sergipe e Pernambuco, com operações para 700 destinos e 7,3 milhões de passageiros transportados por ano.

Grupo empresarial familiar, o Águia Branca atua com um modelo de governança profissional e teve como fator decisivo para construir a retomada no pós-pandemia a aposta em novos serviços e negócios, além de uma estratégia de implementação da inovação. Fazem parte deste portfólio, serviços como Medicina do Sono, Squad e We Safety, focados na criação de um ecossistema de gestão de segurança e logística e locação de veículos para eventos.

Inspiração

O evento foi aberto pelo presidente da FIEB e CIEB, Carlos Henrique Passos, que lembrou a importância de iniciativas como o Café Empresarial para estimular a coesão empresarial e associativa, mas também como mecanismo de compartilhamento de ideias. “Precisamos de inspiração para gerir nossas empresas”, destacou Passos, agradecendo a presença de Paula Corrêa.

O Café Empresarial CIEB tem por objetivo reunir empresários, executivos e profissionais com atuação de destaque no mercado para discutir temas relevantes e promover o crescimento do ecossistema empresarial local. Além de trazer um convidado para realizar palestra, o objetivo do Café Empresarial é fomentar o networking, proporcionando aos participantes a oportunidade de estabelecer novas conexões e parcerias de negócios.

Sobre o Sistema FIEB

Sob a liderança da FIEB, o Sistema Indústria na Bahia é formado ainda pelo Serviço Social da Indústria (SESI), Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), Instituto Euvaldo Lodi (IEL) e pelo Centro das Indústrias do Estado da Bahia (CIEB). Todas essas entidades formam o SISTEMA FIEB, atuando conjuntamente e de maneira integrada, disponibilizando serviços em áreas relevantes para a sociedade, como educação, saúde, lazer, qualificação profissional, informação especializada, desenvolvimento e inovação tecnológica.  A FIEB é uma das 27 federações que integram a Confederação Nacional da Indústria (CNI), entidade nacional representativa do setor industrial brasileiro.

Veja também

Alexandre de Moraes retira sigilo de áudio de “Abin paralela” de Bolsonaro; ouça

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou nesta segunda-feira (15) a …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!