sábado 21 de maio de 2022
Foto: Divulgação / CMC
Home / NOTÍCIAS / Câmara de Camaçari reconhece academias e escolas como serviços essenciais no município
sexta-feira 24 de setembro de 2021 às 17:12h

Câmara de Camaçari reconhece academias e escolas como serviços essenciais no município

NOTÍCIAS, RMS


Os vereadores de Camaçari aprovaram, nesta quinta-feira (23), durante a 11ª Sessão Ordinária do Segundo Período Legislativo, importantes Projetos de Lei, de Resolução e Indicações. Um deles foi o Projeto de Lei (PL) Nº 038/21, de autoria do vereador Flávio Matos (DEM). O PL passa a reconhecer as academias de ginástica e musculação como serviços essenciais para a população em casos de crises causadas por doenças contagiosas ou desastres naturais. Na defesa da matéria, o edil falou sobre os benefícios da prática de atividades físicas para a saúde, e ressaltou a importância de manter a segurança para os clientes nos estabelecimentos. O projeto foi aprovado por unanimidade.

A educação também foi considerada uma atividade essencial nesta 11ª Sessão Ordinária, pois a Casa aprovou, na primeira votação da Ordem do Dia, o PL Nº 006/21, de autoria dos vereadores Junior Borges (DEM) e Dilson Magalhães Júnior (PSDB). O projeto informa que tanto as aulas presenciais quanto as aulas a distância devem ser consideradas atividades essenciais dentro do município, independentemente de serem na rede pública ou privada.

A importância da educação ainda foi contemplada em mais outros dois PLs na primeira ordem do dia. Um, de Nº 037/21 e de autoria do vereador Herbinho (PSL), solicitou a criação do Programa Municipal de Ensino da Língua Brasileira de Sinais nas escolas municipais de Camaçari. O outro, de Nº 012/21 e de autoria da vereadora Professora Angélica (PP), trata da presença de profissionais de Psicologia nas escolas municipais de ensino infantil e fundamental.

A Câmara também aprovou a Indicação de Nº 926/21, da vereadora Fafá de Senhorinho (DEM), pedindo que a prefeitura implante o Centro Municipal de Defesa Pessoal Feminina de Camaçari. Em sua defesa, a vereadora informou que “a maioria das mulheres andam pelas ruas da cidade com medo de serem atacadas. Este centro é para que as mulheres se sintam seguras, e possam aprender técnicas de defesa pessoal, e possam ser capazes de se defender contra a violência física ou mental”.

Veja também

Obras Sociais Irmã Dulce e Neoenergia Coelba firmam parceria

A Neoenergia Coelba e as Obras Sociais Irmã Dulce (OSID) firmaram um acordo que permite …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Content is protected !!