terça-feira 19 de outubro de 2021
Foto: Reprodução/TV Brasil
Home / DESTAQUE / Bolsonaro, Roma, Tarcísio e Malafaia em evento na Bahia para assinatura da FIOL
sexta-feira 3 de setembro de 2021 às 10:40h

Bolsonaro, Roma, Tarcísio e Malafaia em evento na Bahia para assinatura da FIOL

DESTAQUE, NOTÍCIAS


O presidente Jair Bolsonaro discursou na assinatura de contrato da FIOL, na manhã desta sexta-feira (3), e disse que seu governo não precisa sair das quatro linhas da Constituição, mas disse que se quiserem que eles joguem, a população demonstrará sua força de patriotismo.

Foto: Reprodução/TV Brasil

Já o ministro da Cidadania, João Roma, foi surpreendido com um coro de “Fora PT” durante seu discurso.

Ao citar o prefeito de Tanhaçu, João Francisco (PP), que participava do ato. Sem esperar o coro acabar, o ministro arrematou: “parece que a Bahia já cansou mesmo de quem não faz nada pela Bahia, só faz propaganda”.

Roma agradeceu ao ministro Tarcísio de Freitas, da Infraestrutura, e criticou mais uma vez o PT.

“Parece que tem o Brasil e a Bahia. Ministro Tarcísio, não só agradeço pela atenção que tem comigo, mas pelas providências certeiras com sua ação tem transformado o estado da Bahia. Só a duplicação da BR101, quando havia governos do PT em Brasília e na Bahia e nada andou, parece que pularam a Bahia seguiram lá Alagoas, Pernambuco, Paraíba. ministério já trouxe para entregar trecho duplicado. Essa obra não vai para relatório, ficar na parede, melhorar qualidade vida povo baiano . Bolsonaro tem destravados obras que estavam se arrastando por década. Por que não fizeram? Tanto tempo do governo federal e do governo do estado; a Bahia cansou de propaganda, quer o tangível, providência, transformar a realidade do povo”, destacou Roma.

O ministro destacou que o pagamento do Auxílio Emergencial superou o Bolsa Família, somando mais repasses do que nos últimos 13 anos: “Em um ano de Auxílio o senhor fez mais do que 13 anos passados. Foram mais de R$25 bilhões na mão do povo que mais precisa, sem intermediário”.

João Roma também destacou que o presidente tem dado exemplo no que tange a harmonização entre os poderes. Para justificar sua fala, Roma cita uma convocação feita por Bolsonaro aos chefes de poderes, feita no primeiro semestre, antes de Bolsonaro entrar em rota de colisão com o Supremo Tribunal Federal na sua cruzada pelo voto impresso, que acabou derrubado na Câmara.

“Para segurança jurídica é preciso harmonia de poderes, e Bolsonaro tem dado exemplo, quando convocou todos os presidentes dos poderes para sua residência. Para mostrar que não precisamos de queda de braço, de política ideológica. O povo brasileiro que tem ações como essas, não quer ladainha”, alfinetou o ministro de Bolsonaro que busca ser candidato ao governo do estado em 2022.

Silas Malafaia chama Rui Costa de ‘vagabundo’

Bolsonaro diz que manifestação do 7 de setembro darão ultimato aos ministros do STF

Veja também

Em Portugal, Leão busca ampliar relações comerciais entre o país e a Bahia

Internacionalização das relações comerciais, cooperação técnica na educação e na atração de novos negócios e …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!